Samba do Sino

A Roda surge da necessidade em manter acesa a chama da Cultura Popular Brasileira, trazendo a tona histórias que são cantadas através de sambas tradicionais de todo o território nacional, da velha guarda aos novos compositores, pois o Samba Presente Não Esquece o Passado, deixando prevalecer o sotaque do samba paulista, do rural ao urbano. O Sino surge devido à dificuldade em encerrar o Samba às 22h, pois é realizado em bairro residencial. Surge a idéia de se utilizar um sino para indicar o final do samba. Ai começaram a dizer: –“Vamos naquele samba, aquele que o cara toca o Sino...” Assim acaba-se adotando o nome Samba do Sino. Houve a aceitação e respeito geral e assim se conveniou tocar o Sino para começar e para terminar o Samba.

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Samba do Sino Convida Daniel Petrella para o Samba Três dia 12-11-2016 - 18h


O Samba Três é um Projeto do Samba do Sino e sempre tem um convidado a cada mês. Acontece todo Segundo Sábado do Mês, com entrada Franca. Funciona assim: O Convidado se apresenta, depois se apresenta o Samba do Sino. Após as apresentações todos são convidados a participar de uma grande Roda de Samba, todos cantam todos tocam.

O que:- Samba Três
Com:- Samba do Sino
Convidado:- Daniel Petrella
Quando:- 12-11-2016
Horário:- 18 horas
Onde:- Pontão de Cultura Giramundo
End:- Rua Jacob, 223 - Jd Tranquilidade - Guarulhos
Entrada Franca
Nota: O Evento começa as 18 horas, não se atrase para não perder nada.
Conta com 140 lugares e tem serviço de bar.

Como Chegar:
METRÔ ARMÊNIA - Ônibus Jardim Moreira - Descer 3º Ponto R Cb Antonio Pereira da Silva - Rua Lombroso - Rua Jacob.

MERCADO MUNICIPAL DA PENHA - Ônibus Guarulhos PQ Cecap - Descer 3º Ponto R Cb Antonio Pereira da Silva - Rua Lombroso - Rua Jacob.

METRO TUCURUVI - Guarulhos - Jardim Leda - Descer Primeiro Ponto Av Emílio Ribas (Em Frente Cacau SHOW) 1ª Direita Rua Jacob.

Daniel Petrella

Dos encontros com primos aos domingos, das rodas de violão após o almoço na casa dos avós italianos, surge um jovem que nem imaginava viver de música em futuro próximo. Por volta dos 17 anos de idade, juntamente com os primos, fazia parte de um grupo de Samba (Consagrasamba), onde participava tocando violão e se apresentando pelos bares de São Paulo. Aos 20 anos de idade, o grupo estava em plena ascensão e prestes a gravar seu primeiro disco, o produtor e percussionista (Laércio da Costa) acaba convencendo o rapaz e os outros companheiros de banda, há colocar sua voz em ação dividindo a metade do disco com o vocalista principal (Gusto). Após o fim da banda em 2001, o saxofonista e amigo (Ronaldo de Paula) e o músico e produtor (Luciano Moreno), passam a levar o rapaz para fazer algumas apresentações por bares em São Paulo.

A partir desse momento, a vida musical passa a ser extremamente importante, pois o jovem talento constrói sua historia com a música de maneira sabia e valente.

O músico estudou teoria musical no Conservatório Municipal de Guarulhos e estudou violão popular com o amigo e professor Irineu Geronazzo.

Hoje aos 38 anos idade, é conhecedor de vários ritmos brasileiros, consegue agradar nas varias vertentes musicais, mas é na MBP, onde se encontra confortável para desempenhar o seu papel como compositor e interprete juntamente com os companheiros da Banda Caldo de Cana ou com o seu violão solo e sua voz

Hoje o musico segue com o mais novo CD lançado em Junho de 2016 - Projeto Meu Samba. Disco delicado as canções autorais

Tia Ciata - "A Mãe do Samba"

"TIA CIATA", MÃE DO SAMBA...

" O samba é o mais belo documento da vida e da alma do povo brasileiro". (Rosane Volpatto-extraído do Texto SAMBA, SABOR DO BRASIL) Um grande abraço ao nosso patrono PAULINHO DA VIOLA. (Veja mais na página História do Samba)
-------x-------

Pelo Fim da Ordem dos Músicos do Brasil !

Abaixo-Assinado Eletrônico pelo direito ao livre exercício da profissão de músico:

Participe você também, leia matérias neste blog.

Para assinar eletrônicamente:

http://www.carlosgiannazi.com.br/fale_conosco/abaixo-assinado-omb.htm

Paulinho da Viola- Entrevistado pelo programa Memória do Rádio

PAULINHO DA VIOLA - O Nosso Patrono

O Verso "Quando penso no futuro não esqueço meu passado" é creditado por Paulinho da Viola, em "Meu tempo é hoje", como sintese de sua obra, de sua vida. Recolhido de sua "Dança da Solidão"(72). (Pedro Alexandre Sanches - Folh aOn Line - 11/04/2003)

"Eu não costumo brigar com o tempo" afirma Paulinho da Viola (em 09/12/2004 - Folha On line)

"A música de Paulinho da Viola representa um universo particular dentro da cultura brasileira. Experimentá-la é reconhecer que a identidade cultural brasileira não é única, há sempre algo mais." (extraído do site de Paulinho da Viola)

A Obra de Paulinho da Viola já foi tema de livros, trabalhos acadêmicos, gravações e documentário. Em fase de finalizações, se encontra um Documentário realizado pela VideoFilmes com direção de Isabel Jaguaribe e roteiro de Zuenir Ventura. (Confira mais na página - PAULINHO DA VIOLA - Vídeos e muito mais)

-------x-------

AGENDA CULTURAL DA PERIFERIA

A Ação Educativa é uma organização não governamental sem fins lucrativos que desenvolve a apóia projetos voltados para a educação e juventude, por meio de pesquisas, formação, assessoria e produção de informações. Mantém em sua sede o espaço de Cultura e Mobilização Social, aberto ao público, que promove regularmente atividades de formação, intercâmbio e difusão cultural. Vale a pena acessar : http://www.acaoeducativa.org.br/

Confira As Comunidades de SAMBA divulgadas.
-------x-------

Samba do Sino comemora primeiro ano na noite de 15/12/2009 com história do samba

O Movimento Cultural Samba do Sino comemerou 01 ano de vida no último dia 15/12/2009, e presenteia os moradores da cidade com histórias que contam a evolução do samba no Brasil. A proposta nasceu com a idéia de resgatar esse pedaço da cultura popular. (Vanessa Coelho - Guarulhos Web 15/12/2009)