Samba do Sino

A Roda surge da necessidade em manter acesa a chama da Cultura Popular Brasileira, trazendo a tona histórias que são cantadas através de sambas tradicionais de todo o território nacional, da velha guarda aos novos compositores, pois o Samba Presente Não Esquece o Passado, deixando prevalecer o sotaque do samba paulista, do rural ao urbano. O Sino surge devido à dificuldade em encerrar o Samba às 22h, pois é realizado em bairro residencial. Surge a idéia de se utilizar um sino para indicar o final do samba. Ai começaram a dizer: –“Vamos naquele samba, aquele que o cara toca o Sino...” Assim acaba-se adotando o nome Samba do Sino. Houve a aceitação e respeito geral e assim se conveniou tocar o Sino para começar e para terminar o Samba.

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Dandara e Paulo Monarco


Na Casa dos Cordéis dia 22/04/2012 em Guarulhos.

Dadara

Aos 21 anos cheios de identidade, está na pré-produção do seu primeiro disco solo.  Em um ritmo contemporâneo brasileiro, ela interpreta canções de novos compositores como André Caccia Bava, Fabio Cadore, Giana Viscardi, Jessé Santo, Jota Erre, Kana, Sara Tavares entre outros. Nomes consagrados também entram nesse repertório com músicas de Ary Barroso, Wilson Batista, Moacir Santos, Tom Zé, Lenine e Beatles, que Dandara permite-se influenciar.

A música sempre fez parte de sua vida. Bem cedo, aos 10 anos de idade já mostrava talento em palcos paulistanos. Em 2008 recebeu o primeiro lugar no Festival de Intérprete e da Canção 1º FICA, em São Paulo, defendendo “Inquietação” de Ary Barroso. No mesmo ano, gravou solos de “Consolação”e “Bocochê" de Vinicius de Moraes e Baden Powell, faixas do CD “Afrosambas” do Coral Unifesp, sob a regência do Maestro Eduardo Fernandes.

Sua voz também está presente em gravações como “Funeral de Sambista”, no álbum “Já Era a Hora” de Affonso Moraes, acompanhada dos músicos Alexandre Cueva (violão 7 cordas e percussão), Alê Ribeiro (clarinetas) e Bebê do Góes (cuícas) e no álbum “Queimando a Moleira” de Roney Giah com a canção “Estamos Seguros Embaixo do Meu Cobertor”.

Em julho de 2010 interpretou a canção “Pavana Para Uma Terra Viva” de Tom Zé e André Lima, ganhadora do Prêmio Musique Estadão (2ª Edição). No mesmo ano conquistou o 1º Lugar no 36º Festival de Música de Ilha Solteira com a canção Pirataria (letra: Ieda Varejão/melodia: Dandara).

Em sua formação musical, Dandara passou pela ULM (Escola de Música do Estado de São Paulo Tom Jobim), Pat Escobar, Jeane LoVetri entre outros. Atualmente tem orientação vocal de Sandra Espiresz.
http://clubecaiubi.ning.com/profile/Dandara#ixzz1rvPuoJDe

Paulo Monarco

Paulo Monarco (24) é um jovem compositor, cantor e instrumentista. Um dos maiores talentos dessa novíssima geração. Músico desde os onze anos e ganhador de diversos festivais, em 2009 lançou seu primeiro EP. Além de ser apontado como uma das maiores revelações nos últimos anos da música mato-grossense, Paulo Monarco vem construindo uma belíssima trajetória na música brasileira. Em seu repertório canções próprias e inéditas, parcerias com compositores importantes e consagrados – Celso Viáfora, Dulce Quental – além de releituras de músicas de parceiros; muitos deles também jovens autores, responsáveis por boa parte da produção musical brasileira contemporânea.

O modo de cantar e tocar seu violão se complementam numa sincronia intensa que evidencia e caracteriza suas canções. “Mais do que um prodigioso violonista, Paulo Monarco revela-se um extraordinário cantor. De forma audaz e despretensiosa, assaz afinado, sem deslizes, está sempre muito a vontade em palco” (Protásio de Morais, Folha do Estado MT). "Quem é Paulo Monarco? Ator? Poeta? Compositor? Produtor? No palco se transforma em feiticeiro, guiando o pensamento por caminhos que apenas ele consegue explicar" (Maicon Rodrigo, sobre o Calango 2010). Quem não o conhece descobre um compositor ousado, um intérprete vigoroso e um artista que desperta aos ouvidos aguçados atenção. http://paulomonarco.conexaovivo.com.br/


O que:- Dandara e Paulo Monarco
Quando:- 22/4/2012
Horário:- 16h
Onde:- Casa do Cordéis
End:- Av Torres Tibagy – Gopoúva = Guaruhos

Assista vídeo:-

Tia Ciata - "A Mãe do Samba"

"TIA CIATA", MÃE DO SAMBA...

" O samba é o mais belo documento da vida e da alma do povo brasileiro". (Rosane Volpatto-extraído do Texto SAMBA, SABOR DO BRASIL) Um grande abraço ao nosso patrono PAULINHO DA VIOLA. (Veja mais na página História do Samba)
-------x-------

Pelo Fim da Ordem dos Músicos do Brasil !

Abaixo-Assinado Eletrônico pelo direito ao livre exercício da profissão de músico:

Participe você também, leia matérias neste blog.

Para assinar eletrônicamente:

http://www.carlosgiannazi.com.br/fale_conosco/abaixo-assinado-omb.htm

Paulinho da Viola- Entrevistado pelo programa Memória do Rádio

PAULINHO DA VIOLA - O Nosso Patrono

O Verso "Quando penso no futuro não esqueço meu passado" é creditado por Paulinho da Viola, em "Meu tempo é hoje", como sintese de sua obra, de sua vida. Recolhido de sua "Dança da Solidão"(72). (Pedro Alexandre Sanches - Folh aOn Line - 11/04/2003)

"Eu não costumo brigar com o tempo" afirma Paulinho da Viola (em 09/12/2004 - Folha On line)

"A música de Paulinho da Viola representa um universo particular dentro da cultura brasileira. Experimentá-la é reconhecer que a identidade cultural brasileira não é única, há sempre algo mais." (extraído do site de Paulinho da Viola)

A Obra de Paulinho da Viola já foi tema de livros, trabalhos acadêmicos, gravações e documentário. Em fase de finalizações, se encontra um Documentário realizado pela VideoFilmes com direção de Isabel Jaguaribe e roteiro de Zuenir Ventura. (Confira mais na página - PAULINHO DA VIOLA - Vídeos e muito mais)

-------x-------

AGENDA CULTURAL DA PERIFERIA

A Ação Educativa é uma organização não governamental sem fins lucrativos que desenvolve a apóia projetos voltados para a educação e juventude, por meio de pesquisas, formação, assessoria e produção de informações. Mantém em sua sede o espaço de Cultura e Mobilização Social, aberto ao público, que promove regularmente atividades de formação, intercâmbio e difusão cultural. Vale a pena acessar : http://www.acaoeducativa.org.br/

Confira As Comunidades de SAMBA divulgadas.
-------x-------

Samba do Sino comemora primeiro ano na noite de 15/12/2009 com história do samba

O Movimento Cultural Samba do Sino comemerou 01 ano de vida no último dia 15/12/2009, e presenteia os moradores da cidade com histórias que contam a evolução do samba no Brasil. A proposta nasceu com a idéia de resgatar esse pedaço da cultura popular. (Vanessa Coelho - Guarulhos Web 15/12/2009)