Samba do Sino

A Roda surge da necessidade em manter acesa a chama da Cultura Popular Brasileira, trazendo a tona histórias que são cantadas através de sambas tradicionais de todo o território nacional, da velha guarda aos novos compositores, pois o Samba Presente Não Esquece o Passado, deixando prevalecer o sotaque do samba paulista, do rural ao urbano. O Sino surge devido à dificuldade em encerrar o Samba às 22h, pois é realizado em bairro residencial. Surge a idéia de se utilizar um sino para indicar o final do samba. Ai começaram a dizer: –“Vamos naquele samba, aquele que o cara toca o Sino...” Assim acaba-se adotando o nome Samba do Sino. Houve a aceitação e respeito geral e assim se conveniou tocar o Sino para começar e para terminar o Samba.

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Carnaval de São Paulo 2013 Dragões da Real


Dragões da Real
Primeira noite: dia 8 de fevereiro de 2013 (sexta-feira)
Local: Sambódromo – Grupo Especial ANHEMBI
Horário:- 04h50
* Os horários são previsões da Liga das Escolas de Samba de SP e podem sofrer alterações dependendo da duração de cada desfile

6 - Dragões da Real
Samba-Enredo: “Dragão, Guardião Real, mostra seu poder e soberania na Côrte do Carnaval”

SINOPSE DO CARNAVAL 2013

Dragão, guardião real, mostra seu poder e soberania na corte do Carnaval!Rufem os tambores!Soem as trombetasAbram seus corações para a alegria! Sou o Bobo-da-corte, neste reino de fantasia! Nobre “corte do reino Anhembi”, nesta noite de festas e encantos, os convido a contemplar a cantata dos meus sonhos fascinantes.

Histórias intrigantes sobre o Dragão que um dia me trouxe de volta vida. Guardião desta monarquia, que me fez conhecer as façanhas surreais que hoje vou-lhes revelar...Pelos quatro cantos e confins do mundo, foste aclamado: Suntuoso Dragão... Herói ou Vilão! Deus sumeriano “protetor da árvore da vida”, Grécia do velocino de ouro,  símbolo guerreiro e imbatível dos romanos adotado por grandes generais, deus egípcio, babilônico, indiano e asteca, boitatá: serpente de fogo... Guardião de tesouros!Lendários cavaleiros lhe ergueram estandartes, brasões, bandeiras e escudos, espalhavam sua imagem: força e honradez!

Em plenilúnio, mostra tua face, astúcia e obediência, trio mensageiro da tríplice coroa: Ginete, Dragão e Cavaleiro, trindade perfeita a nos guardar. Princesas vigiou em castelos, emblemático e imponente jamais da torre se afastou, sendo perigo iminente ao príncipe que se aventurou. Muitas “ordens” nomeou, numa delas Voivoda, o Vlad II, em cavaleiro transformou. Como herança deixou em seu filho, Vlad III sua referência de dragão. Draculea o mesmo se chamou, perverso e sombrio a Drácula inspirou. Dracul, Draculea, Dragão, Vampiro ou Guardião?

Entre o bem e o mal vou mais além, sua história se mistura, se confunde. É contraditória, eu sei! Mas foi o sonho que sonhei.Em toda alquimia: Fogo, terra, água e ar; enigmática magia, és também reverenciado! Hálito de fogo, consome e dilacera, muda etéreo e matéria. Lendas e mistérios figuram pergaminhos, em fantástica literatura Tolkien lhe descreveu, no lirismo da passagem, grande foi a homenagem, que a arte lhe ofereceu.

Sentindo a liberdade de voar ao infinito, em suas asas me divirto como criança, que em tudo vê esperança, aventura e um final feliz! Em terra de Dragão quem canta o hino é um trovão! Nos templos do Oriente sua imagem está presente, na busca da sabedoria nos ensinamentos ancestrais, segredo da longevidade é o mistério da plenitude. Bravura, sucesso e virtude, recriando o imaginário na realidade e na espiritualidade. Personificação sobrenatural do poder imperial. Sopram ventos de boa sorte! Sinos entoam e celebram a etnia: na dança, no tambor e na pirotecnia.  Pois é o ano do Dragão, vital meu guardião resplandece, no brilho reluzente das estrelas de fogo, que se acendem e nunca se apagam.

Neste momento a emoção toma conta de mim, a magia do meu sonho virou realidade, ilusão ou verdade, não importa é carnaval, a festa do povo!

O show é do mestre-sala e da porta-bandeira que riscam o chão de poesia defendendo com galhardia, o nosso pavilhão!No compasso da Bateria, o ritmo incendeia a delirante monarquia, que vai desfilar sob as bênçãos da nossa madrinha.

Porque, o que vale a pena é ser feliz! Ser bobo, ser rei, rainha ou passista, cabrochas, malandros, pierrôs e colombinas, são todos personagens principais... E hoje eu sou o Arlequim do Carnaval, folião da Dragões da Real!

Exaltando o símbolo da minha bandeira: alva, preta e vermelha vou festejar sua coroação, soberano rei desta folia, é poder é garra e paixão! Rei Momo Dragão! Sua coragem, raça e superação transfiguraram em meu ser, o seu poder imortal.

Hoje eu tenho a força do Dragão, sou sua plena irradiação, tenho no peito a outra metade do seu coração e não me canso de dizer: Dragão, herói ou vilão: meu orgulho é ser você!

Pesquisa , textos e sinopse: Carnavalesco André Cezari.

Letra do Samba Enredo

Compositores: Dico, Armênio, Ricardo, Wagner e Derico

Tenho orgulho de ser, Dragão
A força e a garra, Paixão
Encontrei a felicidade
A outra metade do meu coração
Liberte a sua emoção
O meu guardião vai passar
Entre Rainhas e reis, trovador eu serei
Segredos, aventuras hei de revelar
Poder, sabedoria e coragem
Vão formar a sua imagem
No Brasão de um guerreiro
Que segue a lutar, vai atravessar
Gerações no mundo inteiro
Realidade, Sonho ou Ilusão
Ser personagem, herói ou vilão
A vida imita a arte
Dando asas à imaginação
Bandeiras irão tremular
No Céu do oriente é uma estrela a brilhar
Exala a chama da Paz
Na lição dos seus ancestrais
De lá pra cá eu te vi voar
Cruzar fronteiras no céu e mar
Pousar na passarela, fazendo a platéia se arrepiar
Carnaval, vem chegando Dragões da Real
Retrato de um povo, onde a alegria é geral
Trazendo a magia ao folião, é festa na coroação

Assista vídeo:-

Tia Ciata - "A Mãe do Samba"

"TIA CIATA", MÃE DO SAMBA...

" O samba é o mais belo documento da vida e da alma do povo brasileiro". (Rosane Volpatto-extraído do Texto SAMBA, SABOR DO BRASIL) Um grande abraço ao nosso patrono PAULINHO DA VIOLA. (Veja mais na página História do Samba)
-------x-------

Pelo Fim da Ordem dos Músicos do Brasil !

Abaixo-Assinado Eletrônico pelo direito ao livre exercício da profissão de músico:

Participe você também, leia matérias neste blog.

Para assinar eletrônicamente:

http://www.carlosgiannazi.com.br/fale_conosco/abaixo-assinado-omb.htm

Paulinho da Viola- Entrevistado pelo programa Memória do Rádio

PAULINHO DA VIOLA - O Nosso Patrono

O Verso "Quando penso no futuro não esqueço meu passado" é creditado por Paulinho da Viola, em "Meu tempo é hoje", como sintese de sua obra, de sua vida. Recolhido de sua "Dança da Solidão"(72). (Pedro Alexandre Sanches - Folh aOn Line - 11/04/2003)

"Eu não costumo brigar com o tempo" afirma Paulinho da Viola (em 09/12/2004 - Folha On line)

"A música de Paulinho da Viola representa um universo particular dentro da cultura brasileira. Experimentá-la é reconhecer que a identidade cultural brasileira não é única, há sempre algo mais." (extraído do site de Paulinho da Viola)

A Obra de Paulinho da Viola já foi tema de livros, trabalhos acadêmicos, gravações e documentário. Em fase de finalizações, se encontra um Documentário realizado pela VideoFilmes com direção de Isabel Jaguaribe e roteiro de Zuenir Ventura. (Confira mais na página - PAULINHO DA VIOLA - Vídeos e muito mais)

-------x-------

AGENDA CULTURAL DA PERIFERIA

A Ação Educativa é uma organização não governamental sem fins lucrativos que desenvolve a apóia projetos voltados para a educação e juventude, por meio de pesquisas, formação, assessoria e produção de informações. Mantém em sua sede o espaço de Cultura e Mobilização Social, aberto ao público, que promove regularmente atividades de formação, intercâmbio e difusão cultural. Vale a pena acessar : http://www.acaoeducativa.org.br/

Confira As Comunidades de SAMBA divulgadas.
-------x-------

Samba do Sino comemora primeiro ano na noite de 15/12/2009 com história do samba

O Movimento Cultural Samba do Sino comemerou 01 ano de vida no último dia 15/12/2009, e presenteia os moradores da cidade com histórias que contam a evolução do samba no Brasil. A proposta nasceu com a idéia de resgatar esse pedaço da cultura popular. (Vanessa Coelho - Guarulhos Web 15/12/2009)